MARTINHO LUTERO

Filtrar

Martinho Lutero (1483-1546) foi monge agostiniano, professor de teologia, pregador e compositor musical. Opôs-se a diversos ensinos e práticas da Igreja Católica Romana, contestando sobretudo a noção de que o perdão de Deus poderia ser adquirido por meio  da compra das indulgências. Foi sempre corajoso e intrépido ao enfrentar poderosos, quer imperadores, quer papas. Essa oposição resultou na publicação do famoso 95 teses sobre as indulgências em 31 de outubro de 1517. Em seus muitos escritos, Lutero propôs, com base somente nas Escrituras, que a salvação poderia ser recebida somente pela fé em Cristo Jesus, oferecida por Deus aos homens pecadores somente pela graça. Sua recusa em retratar-se resultou em sua excomunhão da Igreja Católica Romana e em sua condenação como fora da lei pelo imperador germânico do Sacro Império Romano. Foi a figura central da Reforma protestante do século 16.